(62) 9 9169-3200
Como começar bem seu próprio negócio - Realiza
em 05 de junho de 2018
  • noticias

O que fazer antes de começar um negócio

Com a crescente dificuldade em encontrar emprego no Brasil, muita gente decide abrir um negócio próprio na intenção de fugir do desemprego.

Mas como empreender em um país marcado por tamanha crise econômica?

O básico é fazer uma boa análise de mercado a fim de encontrar uma real necessidade que você poderia satisfazer pelas pessoas. Além de ser bom na atividade escolhida, você precisa oferecer diferenciais!

Entretanto, o segredo está em ter bastante definidos na mente os passos que você quer seguir para chegar ao seu objetivo – a isso, dar-se o nome de planejamento.

Planejar é também a melhor maneira de lidar com o receio, sentimento que pode acabar com qualquer negócio antes mesmo que ele saia da fase embrionária.

Todavia, cuidado! Planejar é um processo minucioso, que pode levar bastante tempo – mas o tempo gasto com isso não pode extrapolar o necessário. O que isso significa?

De acordo com dados repercutidos pela Revista Exame, muitos novos empreendedores passam muito tempo planejando e congelam nesse processo, sem prosseguir para a ação. Portanto, planeje para que você não aja às cegas – mas não perca de vista seu objetivo: colocar, efetivamente, seu próprio negócio no mundo.

Dito isso, vejamos a seguir algumas orientações que vão aumentar as chances de você começar com pé direito seu próprio empreendimento.

 

  1. Estude: faça um curso específico em empreendedorismo

Antes de qualquer coisa, você precisa conhecer o que muitos empreendedores, empresas e especialistas já sabem sobre o mundo dos negócios. Caso contrário, você será uma presa em um universo de feras.

Ok., talvez essa frase seja um tanto exagerada.

Mas ela exprime uma verdade: o mercado de trabalho é um ambiente em que todos lutam por espaço e clientes. Logo, chegar conhecendo como se dão seus processos é fundamental.

Existem cursos específicos que não apenas ajudam você a entender esse contexto, como também fornecem as melhores estratégias e ferramentas que atingir objetivos específicos.

Quando for buscar um curso, pesquise a grade curricular dele, o tempo de duração e se ele fornece certificação. Isso tudo é importante para que você invista em algo que te dê, de fato, autoridade no setor.

O curso de Gestão de Marketing e Vendas é um bom começo. Clique no link e veja o que ele oferece para você!

 

  1. Construa uma rede de contatos com pessoas que entendem do assunto

Nem tudo é teoria. Na verdade, boa parte dos conhecimentos e artimanhas de bons empreendedores são resultado de problemas que surgem e são resolvidos na prática.

Assim, construir uma rede de contatos com essas pessoas antes de começar a empreender é muito importante. Essa estratégia poderia fazer você desenvolver o que muitos chamam de “feeling empreendedor”.

Podemos entender esse feeling como um pressentimento que nos auxilia a tomar decisões perante problemas sobre os quais temos divergência da solução.

O fato é que, quanto mais experiência você possui, mais esse pressentimento se aguça. Você certamente vai desenvolvê-lo quando estiver no dia-a-dia do seu negócio, mas é possível chegar adiantado a partir de um relacionamento mais próximo com profissionais cujas experiências têm muito a agregar a você!

 

  1. Entenda o papel do marketing e das redes sociais

Vender é a alma de qualquer negócio.

O modelo de marketing tem mudado desde a popularização das redes sociais. Antes, predominava como mais eficaz o sistema de vendas que se baseava em uma publicidade mais agressiva, interruptiva, que ia ao encontro dos clientes.

Atualmente, esse processo foi invertido. As pessoas adquiriram mais autonomia com a internet e, agora, elas que vão em busca de organizações capazes de satisfazer suas necessidades.

As empresas, grandes e pequenas, devem estar preparadas para receber essas pessoas em ambientes virtuais. Elas devem criar valor, proporcionar não apenas o produto, com qualidade e velocidade, mas também precisam criar um vínculo com o cliente de maneira que ele se sinta plenamente atendido pelo produto.

Mas como fazer isso?

Para entender de comportamento nas redes sociais e conhecer estratégias de marketing nesse meio, você tem duas alternativas: ou se lança no facebook, instagram, etc., de maneira experimental, aprendendo na prática, ou você faz cursos que te auxiliam estudar tudo isso.

Não são poucos os cursos gratuitamente disponibilizados na internet que podem ajudar você, sem gerar custos adicionais – afinal, você precisa do máximo possível de capital!

Conclusão

Há poucas verdades universais no mundo de negócios. Principalmente porque o comportamento humano, embora possamos reconhecer nele alguns padrões, são inconsistentes e podem mudar da noite para o dia.

A explosão de um acontecimento pode mudar imediata e rapidamente o padrão comportamental de um consumidor. Portanto, antes de lançar-se aos negócios, tenha em mente que você deve, sobretudo, preparar-se para crises, eventualidades, mudanças imprevisíveis, entre outras contigências.

Aperfeiçoamento contínuo é, portanto, a única solução sobre a qual nenhum especialista e empreendedor poderia divergir.

Gostou desse artigo? Abaixo, reunimos outros títulos que podem interessar você! Leia:

Como utilizar o celular a favor dos seus estudos

Entenda porque a Realiza Cursos é a solução que você procura

Deixe um Comentário